20 de maio de 2008

Sem um título


- Mamã, se eu nunca tivesse existido, onde é que eu estava agora?

- Em todo o lado ao mesmo tempo...

- ... e era bom se nunca tivesses existido também, porque assim estávamos juntas.

Sem comentários: